Posts Tagged ‘vida’

É uma sensação intensa, extremamente boa, que me deixa sorrindo por horas, que eu quero que dure pra sempre, que me faz sorrir, que me faz sentir vivo.

É aquele sentimento de querer estar perto, de querer cuidar e ser cuidado, de ficar com saudade logo depois de se despedir, de se sentir confortável e seguro.

É pensar em você a todo momento, e a todo momento querer estar junto.

É amar quem eu sou, com todos meus defeitos, e aprender a melhorar.

É amar quem você é, com todos seus defeitos, que o tornam mais perfeito.

É aguentar as brincadeiras e manias de cada um, é ser paciente, é ensinar, é repreender.

É fazer nada.

É fazer tudo.

É demonstrar o que sinto, e aproveitar todas as oportunidades para não se arrepender depois.

É ser romântico, louco, bobo.

É simplesmente…

Apesar de tudo isso, ainda não sei explicar.

Não sei explicar o modo como meu coração canta ao te ver, como me sinto leve e feliz ao estar ao seu lado.

Não sei explicar aquele nervosismo, aquelas borboletas dançando em meu estômago, toda vez que você olha para mim.

Não sei explicar o quanto eu gosto dos seus abraços, dos seus carinhos e dos seus beijos.

Não sei explicar o modo como você colore meus dias com seu sorriso.

Não sei explicar o modo como você me faz rir com as coisas mais triviais do dia a dia.

Não sei explicar essa felicidade inquietante que corre em minhas veias.

Não sei explicar…

Não sei explicar…é simplesmente…

Amor.

Anúncios

Frozen

Posted: 2014.Janeiro.27. in Sem categoria
Etiquetas:, , , , , ,

A warm heart enshrouded by thick ice walls.

Walls that prevent him from displaying his true feelings and desires.

Whenever he thinks they have melted away, he soon finds out they are still standing tall.

Slowly, it’s happening. The walls are not as strong as they used to be, but are still barricading the way.

Still a long way to go. Still mountains and plains covered with glowing snow to be traveled.

Still blizzards and avalanches to be trespassed.

But he’s making his way through them, towards the long awaited sunlight.

The cold never bothered him, but he longs to feel the warmth at least once.

————————————————-

Um coração quente, encoberto por grossas paredes de gelo.

Paredes que o impedem de demonstrar seus verdadeiros sentimentos e desejos.

Quando ele pensa que elas derreteram, logo descobre que elas continuam de pé.

Aos poucos, está acontecendo. As paredes não são mais tão fortes quanto constumavam ser, mas ainda bloqueiam o caminho.

Ainda há um longo caminho pela frente. Ainda há montanhas e planícies cobertas de uma pálida neve a serem percorridos.

Ainda há nevascas e avalanches a serem atravessadas.

Mas ele está avançando em direção à tão esperada luz do sol.

O frio nunca o incomodou, mas ele anseia por sentir o calor, pelo menos uma vez.

The Boy in the Road

Posted: 2013.Julho.29. in Sem categoria
Etiquetas:, , , , ,

She was walking down the road she always took to go back home, humming silly melodies, when she saw something that made her stop. Sitting in the middle of the road there was a boy embracing his legs, with his face buried in his arms.

Slowly, she approached the stranger. The little boy’s shoulders were shaking, so she assumed he was crying.

“Hey, little fella, what’s the matter?”, she asked, not really thinking she’d get an answer. “Why are you crying? Are you lost?”

The boy reacted to the sound of her voice and looked up. His swollen eyes showed he’s been crying for some time, and they expressed some kind of sadness. She didn’t know what to do, but she just felt she couldn’t leave him there.

“Look…I don’t know what happened to you or if whatever I’m gonna say is gonna work for something, but”, she began, “things will get better. How do I know? Well…I don’t.”, she laughed in a silly way.

The boy kept looking at her with his puppy eyes.

“You can be sure it’s not the end. If it was you’d be happy. Sometimes it might seem like it’s the end of the line, there’s no way to go anymore, but there’s always a light. It may not be visible at first, but if you look for it I’m pretty sure you’re gonna find it! You’re young, there’s still a lot of new roads for you to find and run. Don’t give up.”

He stopped crying, and she felt relieved that maybe her words did that.

“First of all, you gotta believe in yourself. You gotta like who you are, ‘cause that’s what really matters: how YOU feel about yourself, not what others think. Then you can raise your head and proudly say ‘I can do whatever! I’m strong! You can’t beat me!’ and keep living your life. I know it’s hard, specially when you have many scars, but it’s not impossible.”

A shy smile grew on his face.

“So…wipe away these tears, stand up and look to the horizon.”

She helped him get up. The boy cleaned his face with the back of his hand and took a deep breath. He looked at her and a big smile appeared on his lips. She smiled back.

“The future’s right there, right around the corner waiting for you to greet it with this beautiful soul of yours.”

He nodded excited.

“All you gotta do is take the first step. Are you ready?”

The little boy took a step forward and, with renewed strength, began walking alongside his new companion: the girl named Hope.

A silly little story.

It’s more like a thing for me to remember and stay strong no matter what’s going on.

Long time I don’t write here…sorry.

I can’t promise I will be back a lot, but I will try.

Hope you have a wonderful year!

“Por mais que as pessoas digam coisas bonitas da boca pra fora, a maioria só vive pensando em si mesma, não é?

Para elas, o que importa é poderem comer coisas gostosas; poderem comprar o que quiserem; mas, quando uma pessoa passa a gostar de outra, essa outra se torna mais importante do que ela.

Se tivéssemos pouca comida, eu daria minha parte para você, Aki. Se tivéssemos pouco dinheiro, eu deixaria de comprar o que queria para poder comprar o que você queria. Se você dissesse que a comida estava gostosa, eu me sentiria igualmente satisfeito e, se você fosse feliz, eu também seria igualmente feliz. Isso é gostar de alguém.

Você acha que existe alguma coisa mais importante que isso? Eu acho que não.

Uma pessoa que descobriu a capacidade de gostar de alguém com certeza descobriu algo muito mais importante do que as descobertas premiadas com o Nobel.”

Minna!

Esse é um trecho do livro Um grito de amor do centro do mundo de Kyoichi Katayama.

É muito legal, mas triste. Ainda não acabei de ler, mas logo no começo já se tem uma ideia do que vai acontecer.

Parece um dorama! >.<V

Jya ne!

Hello, World! I’m Alive!

Posted: 2010.Abril.17. in Contos, Meaningful Thoughts
Etiquetas:, , ,

Correndo pelo extenso campo, ela sorri.

Não estava brincando, não estava com alguém, apenas sorria.

Sorria, pulava, caía, rolava.

Voava com o vento, cantava com os pássaros, conversava consigo mesma.

Olhou para o céu. O azul celeste estava sendo encoberto por nuvens escuras.

Acha que isso a incomodou? Nem um pouco.

Continuou correndo com o enorme sorriso estampado no rosto.

A água começou a cair lentamente em seu rosto. Fria, refrescante.

Logo, a chuva caiu sem mais delongas, molhando a grama, molhando a garota, fazendo crescer ainda mais a felicidade.

Pulou nas poças de lama, escorregou, levantou, sorriu e voltou a correr.

Quando voltou para casa, sua mãe começou a gritar com ela.

A garota apenas sorriu carinhosamente e abraçou-a.

Por um instante a mulher ficou sem saber o que estava acontecendo, mas depois percebeu o que era aquele sentimento.

As duas se abraçaram, felizes.

Felizes pela vida, por existirem nesse mundo.

☃ Quando tudo parecer não ter valor, lembre-se de que você tem a sorte de estar vivo, de poder desfrutar das belas reviravoltas desse imenso mundo. Estar vivo é o maior presente que nos foi concebido. Vamos aproveitar da melhor maneira possível!

☪ Faça o que puder para alegrar a si e aos que te rodeiam. Tenha uma vida alegre. Ria ao invés de chorar, cante quando estiver com raiva. A dor é um mal necessário, pois com ela aprendemos a crescer e melhorar.

Sorria. Pois um simples sorriso pode mudar o dia de alguém.

então, o que acham? Vamos sorrir?

Um sorriso, uma palavra de amor, uma palavra de incentivo…

Faça algo para mudar o dia de alguém!

Sayo! Até algum outro dia!

Greetings Earth People!

Posted: 2009.Novembro.9. in Random Thoughts
Etiquetas:,

Olhe para o horizonte e diga-me o que vê.

Um brilhante céu estrelado ou uma nave de ET?

Baka…né?

Bom, é assim, mesmo que devemos curtir a vida – pelo menos é o que eu acho.

Não sendo baka, mas… bem… tá, sendo baka mesmo…

Aproveitar ao máximo cada momento, sem deixar qualquer medo nos impedir.

Seguir nossos sonhos. Cair nos braços do infinito.

Eu realmente não posso falar disso, porque sou muito medroso, por assim dizer.

Tímido se preferir.

Sinceramente, tenho que melhorar isso…

Isso vai contra meus ideias…

Droga.

Por hoje é só.

Boa noite a todos.