Arquivo de Janeiro, 2011

Pelas ruas da cidade, um vulto passava veloz por entre as pessoas.

Com todas as suas forças Minami sorria enquanto pedalava rumo ao topo da colina. Quanto mais alto, mais o vento soprava, forte e gelado. Mesmo assim, a jovem não fraquejava, continuava a subida, determinada. Mais determinada do que em qualquer outro momento de sua vida.

Durante a corrida contra o tempo, lembrava-se dos acontecimentos que a trouxeram àquele momento…

“Mii-chan!”

Minami desviou o olhar das cerejeiras no jardim e virou-se para saber quem havia lhe chamado.

“Mii-chan, o professor está falando com você!”, Haruna sussurrou.

Levantou-se em um salto. Kawahara-sensei a repreendeu com o olhar.

“Eh…Minegishi-san, como representante de sala, deveria ter mais atenção!”, disse sem levantar a voz.

“Sumimasen…”

“Minegishi-san, poderia mostrar a escola para o novo aluno depois da aula?”

“Novo…aluno?”

“Nakagawa Kaname desu. Prazer em conhecê-la.”, disse o garoto parado ao lado do professor.

“H…hai!”

“Tudo bem. Seu lugar é na carteira ao lado de Itano-san.”

“Arigatou.”

Minami sentou-se e afundou na cadeira.

Quando o sinal tocou, o professor chamou Minami a sua mesa.

“Minegishi-san, Nakagawa-san só vai ficar conosco até as férias de verão, portanto faça-o se sentir em casa. Não queremos que ele vá embora sem boas memórias, não é?”

“Hai! Vou fazer o meu melhor!”, Minami disse sorrindo.

Dito isso, foi encontrar Kaname no corredor.

“Está atrasada?”

“Eh? Anno…eu…sumimasen…”

“Odeio gente como você.”, disse e saiu andando.

“Eh?”, Minami ficou paralisada por alguns segundos sem saber o que fazer ou falar. “O que você–”

“Sumimasen! Sumimasen! É tudo que diz. Pra qualquer coisa. Assim parece até que não tem personalidade, só vive se escondendo na própria sombra! Não quero alguém assim perto de mim. Eu posso explorar a escola sozinho.”

Kaname continuou andando até desaparecer entre os alunos.

Minami correu para o jardim, com lágrimas prestes a escorrer por seu rosto.

Minna-san!!!

O que estão achando?

Interessante? Triste? Maléfico? Legal? WTF?

A partir de hoje, tentarei escrever contos/histórias baseados em letras de música! YAY!!!

Essa é inspirada em Aitakatta! do AKB48.

Ainda tem muito chão pela frente (ou não) até os finalmentes, mas se puderem – e gostarem, claro – continuem lendo e esperando pela continuação!!! Onegaishimassu!!!

Jya ne!

Anúncios

Let’s…

Posted: 2011.Janeiro.20. in Dango Box, Meaningful Thoughts
Etiquetas:, , , ,

New year, new everything

You can make a change if you want to

So why not try something different?

Let’s smile more

Let’s laugh more

Let’s be sillier

Let’s dance more

Let’s fall in love

Let’s kiss with passion

Let’s sing out loud

Let’s learn from others

Let’s face ourselves

Let’s take more pictures

Let’s cry

Let’s take a trip

Let’s rock’n roll

Let’s shake the world

Let’s do whatever

Let’s do nothing

Let’s start something new

Let’s finish unfinished things

Let’s not be fooled by time

Let’s enjoy

Let’s live

Don’t be afraid to show who you really are

Be happy with who you are and what you have

Don’t copy somebody else

Let’s break the walls and fly into the infinite blue

Yo!

Pra começar o ano, uma mensagem de incentivo.

Na verdade, acho que isso é mais pra mim do que qualquer outra coisa…XP

Anyway…

Jya ne